quarta-feira, 11 de maio de 2011

O Menino da Igreja Chorou

A formiga, fui eu que fiz,
Mas lacraia eu não mati.
Foi uma tal de Aidi.

O cabelo eu que corti
E veja só, que dó, que dó
Mas a cavala pocotó
Foi essa Aidi que levó

Mamãe disse pra não chorá
Porque pro céu, foram pra lá

Mas será que vai encontrá
Porque dizem não ir pra lá
Quem não vai sempre igrejar
E gostar do diferente
Porque eles não são gente.

Um comentário: