quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Perdurar


A aurora
É agora
Mund'afora
D'or'em hora

Pralgumas
Deslubram,
Porém

Pois a noite
Que afoite
O açoite
Não já pois-se
Além

Perduram
Profundas

Nenhum comentário:

Postar um comentário